Estádio Atleti Azzurri d'Italia - BERGAMO 13/08/2017 - 13:00  (18:00  local time )

1ª  Rodada,  CAMPEONATO

ATALANTA-ROMA
Atalanta Bergamasca Calcio
0-1
Associazione Sportiva Roma

O começo de uma nova era

Começou a Serie A 2017-2018, começou a era pós-Totti. Saber que ele não faz parte do elenco que pode jogar é um baque que muitos de nós romanistas ainda estamos processando. Sobre o elenco, vimos chegar muitas peças pra dar profundidade ao elenco, melhorar nosso 'banco' e dar mais folga para os titulares. Esse foi o problema durante várias temporadas no passado. Há quem diga que trouxemos apenas 'refugos' e jogadores de segundo escalão, e não contratamos nenhum nome 'de peso'. Infelizmente a Roma é isso, contratar jovens apostas (Cengiz Ünder) torcendo pra elas vingarem, ou medalhões que passaram do auge mas ainda podem contribuir, caso do Kolarov, que fez o gol da vitória desse primeiro jogo bem cínico da Roma.

@babalin

Síntese: La Repubblica

Os giallorossi em Bergamo passam graças a um gol de ex-Lazio. A destacar a lesão de Bruno Peres

Por: Fabrizio Bocca

ROMA - E então vence também a Roma, de maneira um pouco batalhada e difícil, mas em suma na cola de Juventus e Napoli que tomaram as cenas da primeira rodada do campeonato. Em relação a goleada dos concorrentes adversários a Roma jogou uma partida mais real, complicada: fez o jogo com uma cobrança de Kolarov e levou a partida até o fim, suando frio com uma bola na trave de Ilicic. A vitoria no campo da Atalanta entretanto pesa bastante porque a equipe de Gasperini é uma formação de alto nível, e a estréia dos giallorossi em Bergamo era realmente mais complicada que as outras três equipes que chegaram no topo ano passado.

Seja Roma que Atalanta, dadas as situações de mercado não completamente resolvidas, jogaram uma partida com formações bastante desniveladas. Com um uso moderado dos novos jogadores. Gasperini lançou Berisha, Gosens e Palomino. Di Francesco ao contrário recorreu a Defrel no ataque e Kolarov na defesa. I inicio foi equilibrado e até mesmo a Atalanta mostrou maior capacidade de saber fazer o jogo, de conter a bola e inclusive avançar para buscar o gol. Depois como sempre ocorre a partida foi resolvida em um episódio, com uma falta sofrida por Nainggolan e cobrada por Kolarov acabou nas redes, com Bericha que chegou muito perto, mas sem conseguir interceptar a bola. Daquele momento em diante a Atalanta sofreu para retomar a partida e a Roma conseguiu adormenta-la por uma boa fração do tempo, até quando no segundo tempo Gasperini colocou em campo forças frescas que recolocaram vitalidade e força ao jogo dos bergamaschi. Sobretudo Ilicic, em uma assistência de Gomez, conseguiu assustar a retaguarda da Roma, colhendo uma trave no final. Mas a partida entretanto ficou no 1 a 0 para a Roma.

Totti na tribuna de terno e gravata entre selfies e aplausos

Grande atenção dos fotógrafos para Francesco Totti na tribuna entre Monchi e Baldissoni, ao debute oficial entretanto como dirigente no campeonato. A Roma está em um momento de passagem, de transição. Não existe nada definido, tanto que sobre o mercado atual, ainda está bastante aberto para buscar substitutos para Salih e Rudiger. A Roma teve mais caráter, mas tudo somado confirmou também alguns problemas no ataque visto o isolamento de Dzeko que divide o setor com jogadores que não estavam previstos serem titulares, pelo menos nos planos iniciais. Inclusive a defesa nem tudo funciona perfeitamente, a linha dos quatro ainda é uma incógnita (Bruno Peres entre outros saiu com dores de campo por lesão muscular), mas pode-se considerar uma novidade por parte de Kolarov, jogador que parece ter acertado a parábola descendente. Antes as cobranças eram de Totti, agora Kolarov: se entende que a Roma está no início não tanto uma nova temporada, mas de uma nova época.

@fabriziobocca1

ATALANTA(343): Berisha; Toloi, Palomino, Masiello; Hateboer, Cristante (30'st de Roon), Freuler, Gosens; Kurtic (24'st Ilicic), Petagna (12'st Cornelius), Gomez. No banco: Gollini, Rossi, Orsolini, Caldara, Vido, Castagne, Mancini, Haas, Schmidt. Técnico: Gasperini.

ROMA(433): ALISSON,  BRUNO PERES,  MANOLAS,  JUAN JESUS,  KOLAROV,  STROOTMAN,  DE ROSSI,  NAINGGOLAN,  DEFREL(74' EL SHAARAWY),  DZEKO,  PEROTTI(85' PELLEGRINI)

Cartões: Defrel, Toloi, Nainggolan

F I C H A
  • ATALANTA 0-1 ROMA


    Árbitro: Giacomelli (Trieste)
    Acréscimos: 0' pt,  5' st
    Escanteios: 4 a 1 para Atalanta
    Público: 25.000

    info@portaleromanista.org

© 2004 PORTALE ROMANISTA BRASIL UMA FÉ QUE NUNCA TEM FIM