Sune Andersson

Sune Isidor "Mona-Lisa" Andersson iniciou sua carreira aos treze anos de idade nos juvenis do Ekerö Idrottsklubb. Aos dezoito anos se transfere para o Hagalund IS onde estréia e desenvolve-se profissionalmente.

Em 1946 finalmente atinge prestígio vestindo a camisa do AIK de Estocolmo e nos quatro anos que serve o clube da capital acumula 82 jogos e 18 gols. Seu desempenho lhe rende convocações para a seleção sueca e participações nos jogos Olímpicos de Londres de 1948 (medalha de ouro) e na Copa do Mundo do Brasil em 1950 (terceiro lugar).

É um dos muitos suecos que ficaram famosos após participarem da eliminação da Azzurra na Copa de 50, e acabaram vindo parar no futebol italiano em virtude da fama.

Ótimo volante, capaz de desenvolver a jogada com uma grande amplitude em seus domínios do campo, na seleção sueca era uma das peças sacras do time com o timbre de fora de série.

Quando chega a oferta da capital para vestir a camisa giallorossa, Sune não pensa duas vezes, mesmo porque na Suécia, naquele tempo, o futebol ainda era exercido em caráter amador e o dinheiro que circulava na Itália para o esporte, não era de se rejeitar.

Infelizmente, assim como seus conterrâneos Sundqvist e Knut Nordahl, logo se vê em maus lençóis, sobretudo porque existia uma diferença crítica entre o futebol que aprenderam, o Sistema, e o que era aplicado na Roma, o Método. Isso dificultaria consideravelmente o jogo do sueco, que já havia o problema de comunicação com relação a lingua e de uma certa forma contribuiria para o pior no final da temporada 1950/51: o rebaixamento a Série B da equipe romanista.

No entanto Andersson demonstra caráter e permanece no elenco ajudando a equipe capitolina a retornar a primeira divisão já na temporada seguinte, conquistando o torneio de acesso dando grande contribuição.

Objetivo cumprido, ele e seus conterrâneos retornam para a pátria para encerrar sua carreira de jogador e continuar como técnico em clubes suecos. Suni de 1956 até 1971 passou por clubes como IFK, Kalmar, o Södertälje SK da sua terra natal e o Hagalund.

Faleceu em Solna, Suécia, no dia 29 de abril de 2002 aos oitenta e um anos de idade.

@zamacwb

59   presenças
12   gols
 

ANDERSSON

B I O S
  • Sune Andersson


    Nascimento: 13/01/1920
    Cidade : Södertalje

    Função: Volante

    Estréia : 10/09/1950
    Roma 4-1 Atalanta

    Temporada  Pres Gols
    1950/51 35 7
    1951/52 24 5
    Total 59 12

    info@portaleromanista.org

© 2004 PORTALE ROMANISTA BRASIL UMA FÉ QUE NUNCA TEM FIM