Angelo Gaio Barzan

Inicia sua carreira muito cedo no Padova sob o comando técnico de Burgess e desde então mostra-se um promissor lateral e um dos melhores do futebol italiano daquela época. Disputa cinco temporadas no futebol do Vêneto, sempre com altíssimos níveis de rendimento, tanto que é convocado para a seleção italiana e isto serve como um trampolim para se destacar em Milão, no time de Navigli, onde se sai bem na primeira temporada e cai um pouco de rendimento na segunda.

Para sua sorte a Roma estava a procura de atletas que queriam fazer um salto de qualidade e o seu perfil se encaixaria perfeitamente nos ambiciosos planos romanistas que decide por contratá-lo. Já nas primeiras duas temporadas com a camisa giallorossa mostra toda a sua classe.

Grande teórico do foot-ball, os companheiros o chamavam de "o professor" (um termo bem antigo na linguagem do futebol) pelo modo distinto e pelo jeito de simplificar tudo a pura linha da razão, porque o diploma havia de fato. Na mesa tinha o hábito de fazer explicações com o copo na mão encenando as ações que o destacaram, e não podia faltar, se o adversário direto marcou um gol (por sorte não acontecia com freqüência neste time) a justificação em movimentos como o mesmo errou o movimento. E justo esta frieza do seu jogo, se transforma por um bom tempo em um limite, sobretudo em um ambiente passional como aquele romanista.

Um tipo estranho, incapaz de escrever uma carta e de exercer uma simples operação aritmética, mesmo se havia uma formação superior (sobretudo naquela época).

Do jornal "Piccolo” de Roma:

"O engenheiro está realmente em uma forma estupenda, um dos melhores – se não o melhor – lateral da Itália. Nos surpreende e nos espanta como ainda não fora chamado para fazer parte da seleção”

Veja que por acaso jogava na Roma... Entretanto fez parte do selecionado "azzurro”, no mesmo ano de 1929, depois que jogou na Seleção Goliardica. Tudo bem.

Na terceira temporada cai um pouco de desempenho e acaba se transferindo para o Bari onde encerra a carreira meteórica. Faleceu dia 2 de dezembro de 1983 em Adria, mesmo local de nascimento.

@zamacwb

45   presenças
2   gols
 

BARZAN

B I O S
  • Angelo Gaio Barzan


    Nascimento: 24/11/1901
    Cidade : Rovigo

    Função: Lateral Direito

    Estréia : 30/09/1928
    Roma 4-1 Legnano

    Temporadas Pres Gols
    1928/29 23 1
    1929/30 22 1
    Total 45 2

    info@portaleromanista.org

© 2004 PORTALE ROMANISTA BRASIL UMA FÉ QUE NUNCA TEM FIM