Cesare Augusto Fasanelli

Veio da extinta Alba e fez o segundo gol da história romanista no campeonato, na vitória da Roma por 2 a 0 sobre o Livorno no dia 25 de setembro de 1927. Foi o primeiro meia atacante giallorosso e era conhecido pela torcida romanista como "Tillio" ou ainda "Cesaretto".

Um dos tantos meninos romanos apaixonados pelo esporte que chegava da Inglaterra e que tomou conta das periferias da capital logo depois da primeira guerra mundial, dando inicio a intermináveis "peladas" que acabavam somente com o por do sol. E não poderia ser em época tão eloquente quando Fasanelli demonstrava seu melhor futebol, nascia a Magica.

Jogador de refinada técnica, sabia construir o jogo e concluir com eficácia. Dispunha de cabeçadas certeiras, além da sua capacidade de escolher o tempo certo para marcar os gols. Com todos estes dotes se transforma rapidamente no ponto de referência do time, o que lhe proporciona popularidade e carinho especial por parte da torcida.

Com a camisa da Roma disputa nada menos que seis temporadas marcando 60 gols nas 166 vezes que entrou em campo pelo campeonato nacional com a Roma. Ajudou a Roma a conquistar o primeiro título da história romanista, a Copa Coni, e foi o dono de 4 gols em uma única partida (apenas Pruzzo e Montella fariam igual) pela competição, participando também de quatro copas européias com a camisa giallorossa e um gol.

Seu ídolo era Fulvio Bernardini e certa vez confessou ter aprendido a jogar observando os movimentos de Fufo, tanto que no time tinha apelido de "piccolo Bernardini".

Gazzetta dello Sport:

"Astuto e pontual nos seus chutes curtos e precisos"

No verão de 1933, não obstante ainda rendia bem tecnicamente e fisicamente, é cedido ao Pisa. Sua saída foi por causa da chegada do argentino Scopelli, verdadeiro fora de série inútil ao time e a sociedade. Para Fasanelli é um duro golpe, que aos poucos esfria seu sentimento com a bola, mesmo de duas temporadas depois a Fiorentina lhe contrata por uma temporada.

A temporada com os violas é muito negativa, mesmo porque ele é muito pouco empregado, mas a boa sorte acontece no Genoa. A primeira temporada produz bons números, e até conquista uma Copa Itália, mas a idade começa a pesar a partir da segunda e Fasanelli dá adeus a primeira divisão do futebol para se aventurar com Parma, Mater e Ala Littoria antes de pendurar as chuteiras.

Cesare faleceu na sua cidade natal, Roma, aos oitenta e seis anos de idade no dia 13 de dezembro de 1993.

@zamacwb

60   gols
 

FASANELLI

B I O S
  • Cesare Augusto Fasanelli


    Nascimento: 10/05/1907
    Cidade : Roma

    Função: Meia

    Estréia : 25/09/1927
    Roma 2-0 Livorno

    Temporadas Pres Gols
    1927/28 18 3
    1928/29 27 14
    1929/30 26 9
    1930/31 34 17
    1931/32 32 7
    1932/33 29 10
    Total 166 60

    info@portaleromanista.org

© 2004 PORTALE ROMANISTA BRASIL UMA FÉ QUE NUNCA TEM FIM