Luigi Nobile

A Roma o descobre na província de Asti, onde se formou futebolisticamente e o coloca em seus planos, apostando em suas evidencias e em um crescimento técnico que o faça se tornar um jogador de verdade.

Lateral não muito talentoso do ponto de vista técnico, é o típico jogador que caracteriza o futebol do Método, no qual os laterais são chamados a tarefas de guarnecer a faixa da grande área, sem participar do jogo a menos que não tenha o nome de Rosetta.

Existem aqueles que o fazem com personalidade, buscando não maltratar muito a bola e participando de vez em quando dos assaltos ofensivos da sua equipe, quem ao contrário se limita a desenvolver a sua tarefa, sem excessiva grosseria.

Ele se encaixa nesta segunda categoria justo por isto, é um verdadeiro cometa na história romanista. Faz sua estréia em dezembro de 1940, contra o Napoli, quando a região se encontra em uma guerra quista apenas por Mussolini e o futebol segue em frente para dizer ao Regime que não tem com o que se preocupar pelo o que está ocorrendo.

Naquela temporada coleciona apenas três presenças, mesmo se não impressiona particularmente. Resumindo não é realmente um fenômeno, nem do ponto de vista técnico, quando menos do físico e a sua função se torna rapidamente naquela de um honesto coadjuvante, para ser usado sem grandes expectativas em caso de baixa dos titulares.

E pelo menos esta tarefa ele consegue desempenhar sem ocasionar muitos danos. Na temporada seguinte, no entanto,teve a sorte de fazer uma pequena participação na história da Roma ao substituir Acerbi no empate em 0 a 0 em Turim. Empate este que fora importante também para a conquista do primeiro título italiano da Roma. Schaffer o chama para participar daquele momento decisivo e ele responde com bravura e estampa sua pequena colaboração ao primeiro feito romanista.

É a sorte que o retribui por estar diante de dois laterais talentosos e expressivos como Andreoli e Brunella, grande colunas defensivas que impedem sua possibilidade de ir além.

Em prática o jogo contra o Torino será também o seu ultimo como a camisa romanista, porque daquele momento em diante desaparece completamente do mundo do futebol, um dos muitos jogadores daquela época apagados pelo conflito bélico.

Desta forma abandonou os gramados para se dedicar aos estudos se formando em medicina anos depois. Faleceu aos quase oitenta e oito anos de idade 6 dias antes do seu aniversário em Saint-Vicent no dia 18 de fevereiro de 2009.

@zamacwb

4   presenças
 

NOBILE

B I O S
  • Luigi Nobile


    Nascimento: 24/02/1921
    Cidade : Tursi

    Função: Lateral

    Estréia : 22/10/1940
    Napoli 2-1 Roma

    Temporada  Pres Gols
    1940/41 3 -
    1941/42 1 -
    Total 4 0


    info@portaleromanista.org

© 2004 PORTALE ROMANISTA BRASIL UMA FÉ QUE NUNCA TEM FIM